AVISO AOS PAIS COM FILHOS EM IDADE DE CATEQUESE

A catequese por grupos já retomou, nos dias e horários correspondentes a cada ano.

Boletim Paroquial
XXVII DOMINGO DO TEMPO COMUM, ANO C
CENTRO SOCIAL E PAROQUIAL

História do Centro Social (ver)

Contacto (253 60 20 70)

Contas 2020 (ver)

Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Paróquia Mire de Tibães
Francisco Marcelino Monteiro Esteves | 17 Jul 2022
XVI DOMINGO DO TEMPO COMUM, ANO C
XVI Comum_ano C_Boletim de Mire de Tibães nº 458_2022-07-17 e Liturgia Familiar
PARTILHAR IMPRIMIR
 

XVI DOMINGO COMUM, ANO C

A hospitalidade percorre a Liturgia da Palavra deste Décimo Sexto Domingo (Ano C). Em Mambré, Abraão e Sara acolhem três homens que pararam à entrada da tenda: «não foi em vão que passastes diante da casa do vosso servo». Um hóspede é uma bênção. Consigo traz uma promessa a comunicar. O Senhor e Mestre, acolhido em casa da atarefada Marta e da ouvinte Maria, afirma que «uma só coisa é necessária. Maria escolheu a melhor parte». Paulo proclama que o binómio anúncio e escuta é a grande missão do discípulo: «anunciar-vos em plenitude a palavra de Deus». A hospitalidade está associada à escuta atenta do outro. Sim, discípulo missionário é quem escuta e põe em prática, «não faz mal ao seu próximo, nem ultraja o seu semelhante»

O acolhimento é outra das características essenciais da ‘pessoa vitamina’. Hoje, mais do que nunca, precisamos de instaurar a revolução da ternura, a partir do exercício da hospitalidade. É uma atitude que nasce no coração e se torna visível na postura do nosso corpo. Estender e dar as mãos, oferecer um abraço, olhar com simpatia, esboçar um sorriso, estar disponível para escutar com o coração, são alguns dos modos eficazes de praticar o acolhimento e de o demonstrar com ternura. Acolher é inclinar o coração para o outro, é oferecer o ombro, no qual se possa apoiar, para se levantar e prosseguir o caminho. Do mesmo modo, escutar e ser escutado é a maior escola de vida. A felicidade, escreveu o Papa Francisco, «é um pão que se come juntos».

 

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Paróquia de Mire de Tibães
Casa Paroquial
Morada

Rua do Mosteiro, 56
4700-565 Mire de Tibães

TEL

253 622 669

TLM

964 434 453

Cartório Paroquial

O atendimento em cartório paroquial deverá ser agendado previamente com o Pároco, por email ou telefone.

Eucaristias

Semana

3ª feira - 19h [Mosteiro]

5ª feira - 19h [Capela de Ns Sra do Ó]

-------------

Sábado 

19h [Capela de Ns Sra do Ó]

Domingo

10h30 [Mosteiro de Tibães]

Confissões
.
Visitas aos Doentes
.
Párocos