Arquidiocese

Ano Pastoral 2020+2021

"Uma Igreja sinodal e samaritana"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Revista de Imprensa Internacional
DACS com Crux | 15 Jun 2021
Arquidiocese de Boston forma primeira paróquia vietnamita
O'Connell começou por receber pedidos para criar uma paróquia vietnamita na Arquidiocese em 2017, menos de um ano após a sua chegada como bispo auxiliar.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © Kha Tran

Depois de décadas de pedidos, os católicos vietnamitas da Arquidiocese de Boston podem agora celebrar a Eucaristia na sua língua nativa com a instituição da primeira paróquia vietnamita da Arquidiocese no Domingo passado.

Cerca de 600 fiéis lotaram os bancos da Igreja Saint Clement em Medford – agora parte da Paróquia do Beato Andrew Phú Yên – naquilo que o bispo auxiliar de Boston, Mark O’Connell, disse ao Crux parecer ser "uma grande festa" com um grande coro, tambores e dança.

“Na eucaristia de ontem estive muito grato pelo momento e por tudo o resto”, disse o padre Phong Pham, que tomou posse como pastor no Domingo. “Fiquei muito grato porque Deus realmente respondeu ao clamor dos católicos vietnamitas, acho que este é o momento perfeito. O espírito de Deus e as mãos de Deus estiveram plasmados no momento e na face das pessoas”.

“Toda a gente estava tão, tão feliz”, disse ao Crux. 

O'Connell começou por receber pedidos para criar uma paróquia vietnamita na Arquidiocese em 2017, menos de um ano após a sua chegada como bispo auxiliar. Na altura, disse que analisaria o assunto, mas avisou que não pressionaria nesse sentido a menos que os católicos vietnamitas estivessem prontos para financiar a paróquia. A resposta dos paroquianos vietnamita foi um pedido formal a O'Connell para criar uma paróquia, já que eles estavam prontos para apoiá-la financeiramente.

“Entretanto recebi um telefonema para ir à Arquidiocese para uma reunião de emergência porque a Paróquia de São Clemente não estava bem”, lembra O’Connell. “Eu disse «bem, os vietnamitas estão à procura de uma paróquia». Liguei para o cardeal Sean O’Malley e ele ficou emocionado com a ideia”.

Com o apoio diocesano, O'Connell obteve a aprovação das comunidades vietnamitas. Então, em Agosto passado, trouxe Pham para aligeirar as preocupações da população pré-existente de língua inglesa.

“Acho que a preocupação básica era se eu falaria inglês e, em segundo lugar, se eu conseguiria lidar com o trabalho. Depois desse primeiro encontro, os medos foram todos erradicados e a ansiedade acalmou”, disse Pham. “As pessoas abriram-se. Abriram-se ao apelo do espírito para mudarem. ”

O sacerdote também reconheceu que existem desafios tanto para as comunidades de língua vietnamita, como para as de língua inglesa. A comunidade de língua inglesa costumava ter quatro missas e agora têm uma e uma eucaristia bilingue. A comunidade de língua vietnamita, entretanto, tem de percorrer uma distância generosa para participar numa de duas missas no Domingo de manhã ou na missa bilingue à tarde.

Por essas razões, Pham diz que trabalha muito para mostrar às duas comunidades que “a Arquidiocese se preocupa muito com elas”.

Os paroquianos vietnamitas da paróquia vêm de três comunidades de Massachusetts – Chelsea, Malden e East Boston. E embora possa ser uma autêntica viagem, Pham chama-a “um sonho que se tornou realidade” para essas comunidades tradicionalmente separadas celebrarem juntas. Também assinala o significado do nome da paróquia. Andrew Phú Yên é o primeiro mártir vietnamita.

“É simplesmente lindo”, diz Pham.

No entanto, há uma razão pela qual a paróquia estava em falta antes de esta decisão ser tomada. De acordo com Pham, a paróquia ainda está com meio milhão de dólares em dívidas, mas o novo pastor garante que não está preocupado e que irá manter o seu foco nos bancos da igreja.

“Preocupo-me em ter certeza de que estarei lá para o nascimento deles. Estou lá para para a entrada deles no Céu. Estou lá para tudo ”, disse ao Crux. “Mesmo que estejamos falidos, acredito em trazer as pessoas de volta à igreja e saber que Deus é bom, Deus é gentil. A Arquidiocese está a protegê-los, estou apenas focado nisso, o dinheiro virá e tem vindo."

Através da liderança de Pham, a paróquia também deu continuidade às doações de caridade, apesar das dificuldades financeiras. A paróquia doa 7% da colecta semanal a instituições de caridade, além de doações de alimentos para o banco alimentar e para o Vietname, um loja de roupa em segunda mão para os pobres que será inaugurada em breve, e a construção de três casas no Vietname.

O que fazer com os dois prédios da escola da paróquia que fecharam em 2017 é outra decisão no horizonte de Pham, que diz que não vai vender os prédios. Em vez disso, o seu plano pessoal é transformá-los num lar para idosos, principalmente vietnamitas.

“Gostaria de manter os edifícios para as gerações futuras”, disse Pham. “Vendendo, vamos perdê-los. É uma solução temporária. Quero que a paróquia seja capaz de sustentá-los por muitos anos”.

 

Artigo de John Lavenburg, publicado no Crux a 15 de Junho de 2021.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
EUA  •  Paróquias  •  Vietname  •  Boston
Revista de Imprensa Internacional
Contactos
Morada

Rua de S. Domingos, 94 B 4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui