Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Revista de Imprensa Internacional
DACS com Vatican News | 10 Dez 2021
D. Denis Nulty: pandemia mais profunda de violência doméstica durante o confinamento
Presidente do Serviço de Atendimento ao Matrimónio da Igreja da Irlanda, o Bispo Denis Nulty, fala da “pandemia mais profunda” de violência doméstica que se agravou durante o confinamento.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © DR

“Abusos, violência doméstica e obstrução silenciosa são uma pandemia muito mais profunda que se torna ainda mais exacerbada durante um confinamento pandémico”.

Estas foram as palavras do bispo irlandês Denis Nulty durante a cerimónia de conclusão nesta semana de dezesseis conselheiros e dezenove graduados no Ministério de Facilitação do Matrimónio.

O curso foi ministrado pela Accord Catholic Marriage Care Service, uma agência pastoral da Igreja na Irlanda, que é levada a cabo de forma voluntária.

A agência tem como objectivo promover uma compreensão mais profunda do casamento cristão e oferecer aos casais meios para salvaguardarem e nutrirem o seu casamento e relações familiares.

O bispo Nulty, presidente da Accord, disse aos formandos que terão que estar no centro do “processo sinodal” da Igreja, que está a decorrer em todas as dioceses e no mundo inteiro.

“Vocês têm a formação, têm o conjunto de competências e têm ouvidos para escutar o que está a ser dito e às vezes o que não está a ser dito”, afirmou.

 

Desafios da pandemia

Observou que a nova variante Ómicron “mudou a marcha mais uma vez para um nível maior de restrições e limitação das liberdades pessoais”.

“As novas instruções de saúde pública sobre o uso de máscaras nas escolas a partir da terceira classe e o regresso das restrições de clubes nocturnos, indústria da hospitalidade e eventos culturais, comunitários, desportivos e de entretenimento em recintos fechados abalaram-nos”, indicou.

O bispo sublinhou que o mundo está talvez “a vivenciar os tempos mais desafiantes desde a Segunda Guerra Mundial”.

 

Curar os feridos

A Accord está a celebrar o 60º aniversário da sua fundação em 2022, e o Bispo Nulty destacou que a primeira preocupação da organização deve ser sempre “curar os feridos, por exemplo, oferecendo o ouvido atento do conselheiro para ajudar a acompanhar o casal ou indivíduo na sua jornada para uma maior autoconfiança e estima”.

O Papa Francisco, continuou, “usa regularmente a imagem da Igreja que se torna um «hospital de campanha»”. Esta imagem espelha de maneira soberba o nosso ministério na Accord, a saber: o chamamento do conselheiro a acompanhar; o chamamamento do facilitador a salvar e o chamamento do membro central a estar presente para e um com o outro”, disse o bispo.

O Bispo Nulty continuou, dizendo que a agência se pode orgulhar das suas realizações, especialmente do seu serviço e alcance durante a pandemia.

Indicou, em particular, a “linha Covid-19 Casais e Relação” que foi estabelecida de um dia para o outro para dar resposta aos que precisavam de apoio no confinamento e disse que o abuso doméstico e a violência doméstica pioraram durante os confinamentos.

Como conclusão, o bispo Nulty disse aos formandos que terão um ministério que não terá apenas um efeito positivo sobre aqueles com quem trabalham, mas um ministério que oferece ricas recompensas de realização pessoal.

Artigo de vatican News, publicado a 9 de Dezembro de 2021.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Pandemia  •  Covid-19  •  Ómicron  •  Confinamentos  •  Violência doméstica  •  Irlanda
Revista de Imprensa Internacional
Contactos
Morada

Rua de S. Domingos, 94 B 4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui