Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Revista de Imprensa Internacional
DACS com The Tablet | 28 Abr 2022
Caixão medieval e estátuas descobertas sob Notre Dame
Arqueólogos escavaram uma área abaixo do transepto onde uma plataforma e andaimes foram colocados para levantar a torre de substituição.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © Olivier Mabelly

Escavações arqueológicas na catedral de Notre Dame, danificada pelo fogo, em Paris, encontraram um caixão de chumbo da Idade Média, fragmentos de estátuas e até parte da tela da catedral destruída na Contra-Reforma.

Pode haver outros tesouros escondidos sob o chão da catedral, mas os arqueólogos só foram autorizados a escavar uma área abaixo do transepto, onde uma plataforma e andaimes foram colocados para elevar a pesada torre de substituição ao novo telhado.

O pináculo original coberto de chumbo caiu dramaticamente no chão durante o incêndio de Abril de 2019, trazendo grande parte do telhado antigo com ele.

O caixão fechado, analisado por uma pequena câmara, contém os restos mortais de um dignitário local, possivelmente um alto funcionário da Igreja dos anos 1300, disse o instituto arqueológico da França (INRAP).

Os escavadores também encontraram mãos, pés e rostos esculpidos, alguns ainda pintados, incluindo uma cabeça que pode representar Jesus.

Muitas partes da tela estão enterradas amplamente sob o piso, mas a permissão de escavação só se aplica à área especificada de Fevereiro a Abril.

Fotografias de uma visita do presidente Emmanuel Macron na Sexta-feira Santa mostraram partes de pedra clara limpa ao longo das paredes, indicando que a catedral outrora escura ficará mais brilhante por dentro quando reabrir em 2024.

O interior da catedral também é uma selva de andaimes para permitir que os trabalhadores consertem e limpem as paredes. Isso inclui a substituição de pedras danificadas por novos blocos de calcário de uma pedreira a 85 km a nordeste da capital.

Andaimes também sobem lentamente do lado de fora de Notre Dame, para permitir que os trabalhadores reconstruam o telhado em forma de cruz e coloquem a torre de estilo gótico em cima dele. Uma grande rede de postes de aço irá erguer-se em torno do prédio no próximo ano.

O general Jean-Louis Georgelin, líder do projecto com um cronograma apertado, disse que o trabalho mais difícil seria reconstruir a torre e as abóbadas internas que a sustentam. Os engenheiros elogiam os arquitectos medievais pela construção precisa das abóbadas.

Será concluído como prometido em 2024, quando Paris acolher os Jogos Olímpicos de Verão, disse o general Georgelin.

Artigo de Tom Heneghan, publicado no The Tablet a 27 de Abril de 2022.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Notre Dame  •  Paris  •  Arqueologia  •  Escavações  •  Descobertas
Revista de Imprensa Internacional
Contactos
Morada

Rua de S. Domingos, 94 B 4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui