Arquidiocese

Ano Pastoral 2020+2021

"Uma Igreja sinodal e samaritana"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
Dom Jorge Ferreira da Costa Ortiga | 14 Fev 2004
Contributo Penitencial 2004
PARTILHAR IMPRIMIR
Nas pegadas de Cristo o cristão deve interpretar a vida como acto permanente de doação. Trata-se de oferecer o que se é e o que se tem. Este dinamismo de partilha acontece ou deve acontecer todos os momentos. Pertence à identidade cristã e testemunha a verdadeira autenticidade. Há momentos em que a interpelação se torne mais insistente. O tempo torna-se favorável e a generosidade vai-se tornando visível. A Quaresma é um tempo pautado pelo binómio da renúncia e da partilha. Não basta dar o que não interessa. Importa criar hábitos de renunciar ao supérfluo para dar qualidade de vida a pessoas e a Instituições. No exercício do meu ministério tenho proposto dois destinatários das renúncias quaresmais: um de âmbito diocesano e outro de índole “missionária”. Depois de ter consultado o Conselho Presbiteral estabeleço que o resultado das ofertas reverta em favor da Casa Sacerdotal e da construção duma igreja na ilha de Bolama, Guiné-Bissau. Duas causas e uma única intenção: ser solidário e viver a exigência da auto-doação. Os cristãos da Arquidiocese saberão testemunhar a alegria da generosa comunhão. Os destinatários agradecerão e Deus recompensará. Braga, 15.02.2004 + Jorge Ortiga, A.P.
PARTILHAR IMPRIMIR
Departamento para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190