Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
DACS com Fátima Missionária | 25 Nov 2021
400 mil crianças no Iémen sofrem de desnutrição aguda grave
A crise humanitária no Iémen é considerada das piores do mundo, e a população sofre com períodos prolongados de conflitos, uma economia fragilizada e com a destruição de infraestruturas.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © Khaled Abdullah/REUTERS

400 mil crianças no Iémen sofrem de desnutrição aguda grave e quatro em cada cinco precisam de assistência humanitária, de acordo com as Nações Unidas. O país está em guerra civil desde o último trimestre de 2014.

A organização internacional estima que mais de 2 milhões de menores estejam “fora da escola” no país do Médio Oriente e que outros 4 milhões corram risco de evasão, para além de mais de 170 mil professores não receberem um salário regular há mais de quatro anos.

James Elder, do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), afirmou que o conflito no Iémen alcançou uma “marca vergonhosa”, com “10 mil crianças foram mortas ou mutiladas desde o início dos combates”, o que equivale a “quatro menores todos os dias”.

O porta-voz da UNICEF explicou que estes são os casos que foram possíveis verificar e que profissionais de várias áreas manifestaram preocupação por o país poder estar “à beira de um colapso total”.

A UNICEF estima que “1,7 milhão de crianças estejam deslocadas internamente devido à violência” e afirma que a intensificação dos conflitos está a levar famílias a fugir das suas casas, sendo que “um total de 15 milhões de pessoas não têm acesso a água potável, saneamento ou higiene”.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Iémen  •  UNICEF
Departamento para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190