Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
Colaborador | 9 Ago 2010
Faleceu o Con. José Marques
Faleceu ontem o cónego José António Gomes da Silva Marques, vigário judicial do Tribunal Eclesiástico de Braga desde 1995. O funeral decorrerá em Santo Estêvão de Penso, em Braga, em data ainda a anunciar.
PARTILHAR IMPRIMIR
 

 

José António Gomes da Silva Marques nasceu em Santo Estêvão de Penso a 16 de Março de 1933, tendo sido ordenado a 14 de Julho de 1957. Em Outubro desse ano foi para Roma, frequentar a Faculdade de Direito Canónico da Pontifícia Universidade Gregoriana.

 

De 1957 a 1959 frequentou com aproveitamento todas as cadeiras do curso de licenciatura em Direito Canónico. Em 1959 sujeitou-se às provas de licenciatura, tendo-as superado.

 

Durante o ano lectivo 1959/60 frequentou, na mesma Faculdade, os cursos prescritos para o doutoramento. No mesmo ano frequentou o 1.º ano do curso teórico-prático do Tribunal da Sagrada Rota, tendo superado as provas de exame.

 

Nos dois anos lectivos seguintes continuou a frequentar o Curso do Tribunal da Sagrada Rota e ao mesmo tempo o Curso de Teologia Moral da Academia Alfonsiana, tendo superado os exames dos dois cursos.

 

A 10 de Junho de 1963 defendeu publicamente a tese de doutoramento na Faculdade de Direito Canónico da Pontifícia Universidade Gregoriana, com o tema “A boa fé na prescrição Longissimi Temporis. Sua necessidade e natureza segundo o Doutor Pedro Barbosa”, tendo obtido a classificação máxima de “summa cum laude”.

 

De 1963 a 1967 foi chefe da Secretaria Arquidiocesana e capelão da Senhora-a-Branca. Foi professor de Direito Canónico (1963 a 1969) e de Teologia Moral (1968 a 1972) no Seminário Conciliar, bem como na Faculdade de Direito Canónico da Universidade de Navarra (1972 a 1978). Foi chefe de redacção e director da “Theologica” e director da “Celebração Litúrgica”.

 

Em Agosto de 1978 foi nomeado vigário geral, tendo iniciado funções a 2 de Setembro. A 1 de Janeiro de 1979 assumiu as funções de vigário episcopal para a Educação da Fé. A 29 de Novembro de 1981 foi nomeado Capitular da Sé Catedral, a 1 de Outubro de 1988 promotor de justiça e a 27 de Julho de 1995 vigário judicial.

 

Entre 1995 e 1999 foi pároco de Escudeiros, Braga. A 31 de Outubro de 1996 foi nomeado para a Comissão Canónico-Jurídica do Sínodo, a 5 de Janeiro de 2003 mestre-escola do Cabido e a 7 de Maio do mesmo ano presidente honorário da Confraria do Bom Jesus do Monte, Braga.

PARTILHAR IMPRIMIR
Departamento Arquidiocesano para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190