Arquidiocese

Horários

Catequese Digital

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
DACS | 15 Mai 2020
Podcast "Pequenas Conversas": o que muda com as portas abertas?
As necessidades de uma nova evangelização e de serem percorridos novos caminhos até ao cume que é a Eucaristia, às vezes até experimentando novas metodologias, o papel de Grupos como os “Semeadores de Esperança” e a importância de iniciativas como o Curso Alpha, ministrado pela paróquia de S. Victor, foram amplamente debatidos durante a conversa.
PARTILHAR IMPRIMIR
 

Arrancou ontem o podcast “Pequenas Conversas”, uma iniciativa da Livraria Diário do Minho que pretende trazer à conversa vários convidados e diferentes livros.

Numa fase inicial, que também engloba as próximas três emissões, o podcast será transmitido às quintas-feiras, às 22h00, na página do Facebook da Livraria. Os episódios seguintes serão quinzenais.

Com o Ebook “O sinal das igrejas vazias – para um Cristianismo que volta a partir”, de Tomáš Halík, como pano de fundo, o primeiro convidado foi o Pe. Sérgio Torres, Arcipreste de Braga e pároco de S. Victor. 

O Pe. Sérgio começou por falar das dificuldades destes últimos tempos e apontou como uma imagem “impressionante” um adro da igreja vazio e com sinais de abandono, já que durante dois meses não foi pisado.

“É uma imagem que dá que pensar. Parece que está tudo abandonado, vazio, não há vida, não é caminho para ninguém. O que custou mais veio a seguir: fechar a porta é fácil, o pior vem depois”, indico, sublinhando a falta que fazem a proximidade e a relação entre as pessoas.

O sacerdote elogiou ainda a multiplicidade de ofertas que existe neste momento para aproximar as pessoas, mas admitiu que há falta de preparação e até alguma resistência aos desafios que se levantam à Igreja actualmente.

“Ficámos com a sensação de nos terem sido cortados os canais de comunicação. E foram mesmo! De repente desapareceram as folhas dominicais, os boletins, os cânticos… No nosso caso decidimos acompanhar a transmissão da eucaristia do Sr. Arcebispo, fazendo publicação cruzada na nossa página. No Domingo de Páscoa fizemos uma experiência com uma transmissão em directo, o que nos levou a perceber que não é tão fácil quanto parece. Não imagino o quanto está por trás da transmissão da eucaristia, não é mesmo fácil”, sublinhou.

Os dois sacerdotes falaram ainda de outras dificuldades que não as técnicas em relação às propostas digitais, questionando se a concentração dos fiéis continua a ser a mesma a partir do momento em que não estão fisicamente na igreja.

“Isto também me leva a outra questão: será mesmo tudo isto necessário? Não era suposto termos cristãos suficientemente preparados para que eles soubessem fazer em suas casas aquilo de que tanto falamos como conceito, mas não sei se conseguimos implementar como realidade: a Igreja doméstica. Será que eles conseguem alimentar-se a eles mesmos?”, questionou o Arcipreste.

Outro tópico da conversa prendeu-se com as mudanças que este tempo será capaz de trazer. A humanidade irá mudar, irá alterar os seus comportamentos, ou rapidamente se irá esquecer das lições dadas pela pandemia?

“Tanto o Pe. Tomáš Halík como o Pe. James Mallon perguntam se aquilo que está a acontecer agora, o facto de termos as igrejas vazias, não é uma previsão para o futuro. Ou seja, antes de irmos para confinamento não estávamos já com igrejas cheias de nada? E, quando reabrirmos, teremos os mesmos cristãos presentes? Os que tínhamos antes, ou menos?”, devolveu o Pe. Tiago Freitas.

As necessidades de uma nova evangelização e de serem percorridos novos caminhos até ao cume que é a Eucaristia, às vezes até experimentando novas metodologias, o papel de Grupos como os “Semeadores de Esperança” e a importância de iniciativas como o Curso Alpha, ministrado pela paróquia de S. Vítor, foram amplamente debatidos durante a conversa.

O Pe. Sérgio Torres deixou ainda algumas sugestões de livros para quem deseja aprofundar estas questões: “A Alegria do Evangelho”, do Papa Francisco, “Renovação Divina”, do Pe. James Mallon e “Desbloqueia a tua paróquia”, de Ron Huntley e também do Pe. Mallon.

 O próximo encontro está marcado para quinta-feira, dia 21 de Maio, e tem como convidado o Cónego Luís Miguel Rodrigues, Director Adjunto da Faculdade de Teologia (UCP) de Braga.

 

 

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Departamento para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190