Arquidiocese

Ano Pastoral 2020+2021

"Uma Igreja sinodal e samaritana"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
DACS | 3 Dez 2020
"Triságia", do Cónego Joaquim Félix, já está à venda
Com a chancela do Seminário de Nossa Senhora da Conceição, a obra tem imagens de Joaquim Félix, Lisa Sigfridsson e Nelson Garrido. O posfácio é da autoria do Pe. João Paulo Brito da Costa.
PARTILHAR IMPRIMIR
 

O mais recente livro do Cónego Joaquim Félix de Carvalho, "Triságia", já está à venda na Livraria Diário do Minho. Com a chancela do Seminário de Nossa Senhora da Conceição, a obra tem imagens de Joaquim Félix, Lisa Sigfridsson e Nelson Garrido. O posfácio é da autoria do Pe. João Paulo Brito da Costa.

"Triságia" mostra-nos a poética do Cónego Joaquim Félix em honra da Senhora da Ternura, um ícone presente na Capela da Imaculada, composto por cinco partes e baseado num antigo ícone russo, conhecido como A Nossa Senhora de Vladimir.

© Lisa Sigfridsson

"O título Triságia empurrava-me para o dicionário, mas tinha preguiça de procurar. Aliás, quando falei do livro a uma amiga, a pergunta saltou: Que significa essa palavra?
Aquele título desconhecido fez-me adentrar e, tal como Moisés diante da sarça que ardia sem se consumir, descalcei as sandálias e deixei-me conduzir. Sentei-me e comecei a folhear aquelas páginas densas devagarinho como se de um ritual se tratasse. De facto, não podemos apressar a leitura. Senti em mim a mesma sensação que me assola sempre que me coloco em oração diante de um ícone. Não é à primeira, nem à segunda que se entra. É preciso esperar ali, no sossego, de mãos e mente vazias", confessa a Professora Alzira Fernandes no texto de apresentação do livro.

A docente explica que a obra pede um olhar contemplativo, "um olhar que vê sem ver, um olhar que se deixa guiar pelo mistério do inacabado", para se poder desfrutar de "Triságia". Só desta forma o leitor poderá deixar-se levar em direcção à "sabedoria do fruir, do saborear, com horizontes abertos de significados".

"É preciso tempo, muito tempo e silêncio para entrar num livro que dança ao ritmo de toda a Criação. Fica o eco das histórias de avós aos netos e a palavra do teólogo que ilumina a fundura do ícone. Fica a beleza, a cor sem contornos. Fica o murmúrio no fundo da alma, «Como és bela lâmpada dos meus olhos!» Triságia, espanto e assombro… Desejo de voltar mais uma vez a adentrar-se no mistério do indizível", conclui Alzira Fernandes.

Recentemente, a pintora Sigfridsson lançou o livro "Capela Imaculada. As pinturas", que também se encontra à venda na Livraria Diário do Minho e que poderá ser uma boa opção para complementar esta obra.


Do livro...

vi à luz das nações
responsorium

Ah! meus olhos lentos rutilam
em quarto crescente ao teu sol
à luz das nações

Estende o véu para que se veja
em teu peito noturno a estrela
à luz das nações

Senhora da ternura, no teu olhar
meus olhos enchem-se dos seus
à luz das nações

PARTILHAR IMPRIMIR
Departamento para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190