Arquidiocese

Nova Ágora 2021

5, 12 e 19 de Março

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
DACS | 14 Jan 2021
Espírito, mente e corpo: um novo confinamento
Em vésperas de novo confinamento em Portugal, é importante encontrar uma rotina para as próximas semanas. As sugestões são do DACS (Departamento Arquidiocesano para a Comunicação Social).
PARTILHAR IMPRIMIR
 

Não têm sido tempos fáceis para ninguém e agora temos pela frente umas semanas muito duras. Lembrando o que ainda há pouco disse o nosso Arcebispo D. Jorge Ortiga, o desejável era que ninguém se sentisse sozinho, mas há pessoas que irão passar estes dias mergulhadas numa grande solidão e isolamento. 

Algumas estarão em casa a tempo inteiro porque os seus locais de trabalho fecharam. O tempo livre deixa-nos mais espaço para pensar naquilo que nos dói, preocupa e amargura: com facilidade vemos os pensamentos negativos tomar-nos por completo. Os dias parecem todos cinzentos e o desânimo instala-se. 

Importa tentar contrariar esta tendência e arranjar uma rotina que nos permita fortalecer o espírito, a mente e o corpo.

Aqui vão algumas sugestões:

 

1. Reze

Reze, não só por si, mas também porque o mundo precisa. Reze pelos mais idosos, pelos desprotegidos, pelos frágeis, pelas pessoas na linha da frente no combate à pandemia… Reze muito!

Se tem crianças em casa, aproveite este tempo para criar um “Cantinho de Oração”, tal como sugeriu a Comunidade Interparoquial de Gamil e da Várzea. 

Para o ajudar nas suas orações diárias também lhe sugerimos algumas aplicações:

 

Laboratório da Fé

Passo-a-Rezar

Click To Pray

iBreviary

Pocket Terço

Oração 2000+

 

 

2. Leia

Ler é uma óptima forma de passar o tempo e cultivar a mente. A Livraria Diário do Minho irá continuar a trabalhar… online, claro. Pode aceder ao site e fazer as suas encomendas. As nossas sugestões:

— Ayudar a los demás
Luciano Sandrin


— Propor a fé numa pluralidade de caminhos

Luís M. Figueiredo Rodrigues


— Ressurgir. 40 perguntas sobre a pandemia
Vários autores


— Diz lá, tio Willi
Andrea J. Larson, Anselm Grün


— O olhar e o ver
Vasco Pinto de Magalhães


— Uma esperança para além de qualquer esperança
Tiago de Quadros Esteves


— Twittando com Deus
Luigi Maria Epicoco


— A caridade dá que fazer
Luciano Manicardi


— Caminhos de esperança
Jorge Ortiga

 

A página da Santa Sé também disponibiliza várias cartas, notas e exortações do Papa Francisco e de outros Papas Eméritos. Têm download gratuito. 

O Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura tem várias reflexões de diferentes autores, nacionais e internacionais, muitas delas especificamente destinadas a uma melhor vivência da Quaresma e da Páscoa.

O Igreja Viva tem, pelo menos, cinco anos de edições disponíveis na página da Arquidiocese, ordenadas cronologicamente. E na nossa página encontra também todos os documentos escritos pelo nosso Arcebispo, D. Jorge Ortiga.

 

 

3. Visite Museus… virtuais, claro!

Se já pôs as leituras em dia, porque não aproveitar a oferta virtual de alguns museus em todo o mundo? Esta é uma excelente forma de passar tempo com os mais novos e de lhes mostrar o lado bom das tecnologias, que nos permitem estas viagens sem que tenhamos que sair do lugar!


Internacionais

The British Museum (Londres, Inglaterra)

Musei Vaticani (Cidade do Vaticano, Itália)

Louvre (Paris, França)

Teatro-Museo Dalí (Figueres, Espanha)

The National Gallery (Londres, Reino Unido)

National Museum of Natural History (Washington, EUA)

Uffizi Gallery (Florença, Itália)

The State Hermitage Museum (S. Petersburgo, Rússia)

Rijksmuseum (Amsterdão, Holanda)

The Solomon R. Guggenheim Museum (Nova Iorque, EUA)

Frida Kahlo Museum

Atassi Foundation for Art and Culture

Museum of Contemporary Art in Buenos Aires

Nakamura Keith Haring Collection

Museo Archeologico, Atenas

 

Portugueses

Museu Calouste Gulbenkian

Museu das Comunicações

Museu Nacional dos Coches

Museu Nacional de História Natural e da Ciência

Museu Nacional do Azulejo

Panteão Nacional

Museu de São Roque 

Torre de Belém

Museu do Dinheiro

Museu do Fado

Mosteiro dos Jerónimos

Mosteiro de Alcobaça

Mosteiro da Batalha

Museu do Caramulo

Museu Nacional de Arqueologia

 

 

4. Crie

Foto: © Estéfi Machado

Criar alguma coisa dá-nos transmite-nos uma sensação de preenchimento, faz-nos sentir úteis. Aproveite o tempo livre para desenvolver competências em bricolage, pintura, desenho, escrita, trabalhos manuais…

Para fazer em conjunto com as crianças sugerimos o blogue da Estéfi Machado, uma mãe que produz autênticas obras de arte em conjunto com o filho. E o mais incrível é que só aproveita materiais de todos os dias, como molas da roupa, rolos de papel higiénico ou caixas de cartão.

 

 

5. Aprenda 

Se vamos ter mais tempo livre, que seja para no final podermos dizer que aprendemos alguma coisa nova. Porque não aprender um novo idioma ou dominar um instrumento musical? Ou até a fazer crochet? Deixamos-lhe alguns sites que podem ajudar até quem procura trabalho neste momento tão difícil.

 

— Atelier Digital da Google

— Coursera

— Open Culture

— Future Learn

 — JY Crochet

 — Udemy

 — Musicasa

 

 

6. Exercite-se

É recomendável que pratique pelo menos trinta minutos de exercício moderado por dia. O exercício ajuda a reforçar o sistema imunitário e vai deixá-lo mais bem-disposto, fica a promessa. Se precisa de um incentivo extra para se mexer, sugerimos as seguintes páginas:

 

— BTFIT

— Smart fit

— Treino em casa 

— Gym Virtual

— Fitness Blender

 

7. Veja televisão… com regras!

Sabemos bem a tentação que é ver constantemente os noticiários, ouvir os números mais recentes, estar a par de novos dados… Mas demasiada informação pode originar originar uma reacção negativa, sobretudo no que diz respeito à sua saúde mental. Deixamos-lhe algumas sugestões de séries e filmes que certamente irão melhorar o seu humor:

 

— Clássicos

— Humor

— Musicais

— Fé e Superação

  

8. Peça ajuda

É natural que esteja triste e desanimado… Mas se sente em si um peso demasiado difícil de suportar, se está apático e não lhe apetece fazer nada, talvez seja melhor pedir ajuda. O SNS tem uma linha de aconselhamento psicológico por telefone. O número para onde deve ligar é o do SNS 24 – 808 24 24 24. Depois deve selecionar a opção 4 (aconselhamento psicológico). O serviço está disponível 24h/dia, 7 dias por semana e é realizado por psicólogos clínicos. Estes profissionais de saúde desenvolvem uma abordagem focada na intervenção psicológica no contexto de crise. Existem ainda outras alternativas:

 

— SOS Voz Amiga
213 544 545 | 912 802 669 | 963 524 660

— Sociedade Portuguesa de Psicanálise
300 051 920

— Linha Conversa Amiga
808 237 327 | 210 027 159 

— Sociedade Portuguesa de Terapia Familiar
213 555 193 

— Centro de Medicina Digital p5
https://www.p5.pt/consultas-medicas/

 

 

Contactos úteis em tempos de Pandemia

+351 808 24 24 24
Linha SNS 24 para triagem de sintomas e esclarecimento de dúvidas sobre COVID-19.

+351 300 502 502
Linha Segurança Social para esclarecimentos sobre assistência à família, subsidio de doença e quarentena.

+351 217929714 e +351 961706472
Gabinete de Emergência Consular

covid19.min-saude.pt
Plataforma da DGS para esclarecimentos sobre a COVID-19.

atendimento@SNS24.gov.pt
Canal SNS 24 para esclarecimentos de dúvidas. Não utilizar para diagnóstico médico.

gec@mne.pt
Gabinete de Emergência Consular

Legislação COVID19
Área do Diário da República Eletrónico dedicada à legislação relativa à pandemia

 

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Confinamento  •  Portugal  •  2021
Departamento para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190