Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
DACS com Ponto SJ | 24 Fev 2022
Ponto SJ dinamiza inquérito sobre os jovens e a Igreja
O inquérito pode ser preenchido até ao dia 23 de Março.
PARTILHAR IMPRIMIR
 

O Ponto SJ quer saber o que pensam os jovens sobre a Igreja e, para isso, está a dinamizar um inquérito online onde pretende recolher o máximo de respostas sobre a relação dos mais novos com a Igreja, o que consideram que está bem ou precisa de ser melhorado, bem como sobre a forma como se sentem acompanhados.

Esta iniciativa surge no âmbito da dinâmica sinodal em curso e pretende fazer chegar ao Secretariado do Sínodo dos Bispos o resultado desta auscultação que abrange jovens entre os 15 e os 35 anos. 

“Acompanhar os jovens na criação de um futuro cheio de esperança” é uma das quatro preferências apostólicas universais da Companhia de Jesus para o decénio 2019-2029.

"Foi no contexto da promoção desta prioridade pastoral que foi lançado este inquérito para aferir a forma como a Igreja ajuda os jovens na sua caminhada, seja na tomada de decisões, no seu autoconhecimento e também no aprofundamento da fé. Ao fim de duas semanas, já tinham sido recolhidas mais de 200 respostas, cujos resultados foram alvo de uma análise preliminar", revela o Ponto SJ.

Dado o interesse que o inquérito suscitou, o Ponto SJ decidiu alargar a sua difusão, comprometendo-se depois a transformá-lo num contributo para o Sínodo. O inquérito pode ser preenchido até ao dia 23 de Março. 

Os dados preliminares do inquérito apontam algumas ideias concretas e interessantes sobre a relação da juventude com a Igreja. Dos 220 jovens que já responderam (34% rapazes e 66% raparigas) quase 80% dizem estar ligados a alguma comunidade ou paróquia.

"Muitos referem o facto de experimentarem a Igreja como comunidade, reconhecendo a sua importância como lugar de integração. Mas, quando questionados sobre os aspectos em que a Igreja deve melhorar, revelam uma significativa preocupação com a dimensão do acolhimento e da aceitação. A este nível é frequente a referência à necessidade de uma maior aceitação das pessoas com orientação homossexual. O papel da mulher na Igreja e na sociedade foi também mencionado diversas vezes como exemplo de situações em que Igreja deve mudar", refere o Ponto SJ.

As respostas já recolhidas revelam ainda que os jovens sentem que a Igreja os ajuda em diversas dimensões da sua vida: "na tomada de decisões, na vivência da vida ou nas relações familiares. É no que respeita a uma vivência saudável da afectividade e da sexualidade que se encontra um maior número de jovens que consideram que a ajuda da Igreja é irrelevante (33%)". 

Os resultados preliminares do inquérito servirão também para retirar algumas questões e preocupações que serão levadas à conversa online que será transmitida no Ponto SJ e no seu canal de Youtube na sexta-feira, dia 25, às 18h00, e a partir do Centro Universitário Padre António Vieira, em Lisboa.

O debate junta Rita Cassiano Santos, jovem aluna do Colégio São João de Brito, Rui Teixeira, escuteiro e representante português no Sínodo dos Jovens, Fátima Perloiro, psicóloga do Colégio São João de Brito e o P. Duarte Rosado, que assumirá em breve a coordenação da pastoral juvenil dos jesuítas. 

Aceda aqui ao inquérito.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Ponto SJ  •  Jovens  •  Inquérito  •  Igreja  •  Sínodo
Departamento Arquidiocesano para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190